Arranjos Produtivos » Logística

O Espírito Santo tem investido para explorar toda sua capacidade em oferecer uma boa infraestrutura logística. Os portos capixabas movimentam em torno de 45% do Produto Interno Bruto (PIB) Estadual, sendo considerado o segundo maior complexo exportador em valor e o sétimo maior importador do Brasil, segundo site do Governo do Estado.

Além da ampla cadeia de portos e terminais, a região conta com Estações Aduaneiras de Interior (EADI), o Terminal Intermodal da Serra (TIMS) e um modal ferroviário conectado por duas ferrovias. Uma delas está entre as mais eficientes do mundo, a Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM), responsável por 37% de transporte de carga no Brasil. Além disso, o Aeroporto de Vitória supera a capacidade de fluxo de passageiros, calculada para 560 mil ao ano, de acordo com o Plano Confederação Nacional do Transporte (CNT) de Logística de 2008.

Informações do Plano de Desenvolvimento Sustentável de Vila Velha, elaborado pela Associação de Empresários de Vila Velha (Asevila), mostram que "no período 2008-2013 há uma intenção de investimentos superior a 60 bilhões de reais, considerando investimentos individuais iguais ou superiores a 1 milhão de reais. Deste total, cerca de 33% seria investido na região metropolitana da Grande Vitória".

A concretização e viabilidade desses investimentos serão possíveis, em grande parte, devido a expansão do setor de logística e infraestrutura que se tornam o apoio fundamental nesse avanço.

E, claro, o crescimento dos municípios é de muita importância. O Plano de Desenvolvimento da Asevila aponta, ainda, como o grande potencial de Vila Velha pode ser utilizado para se tornar um parceiro nesse avanço, a partir da "criação de terminais portuários, de investimento na área da Rodovia Darly Santos e Vale Encantado, a delimitação de uma área para construir um aeroporto industrial e o desenvolvimento de um pólo industrial e logístico na área da BR 101, em Seringal".

Consideração todo esse cenário e o fato de que a logística é hoje um dos grandes canais para as empresas reduzirem custos, a expectativa é de novidades marcantes neste Arranjo Produtivo Local. A Asevila acredita que o investimento na infraestrutura e na logística eleva o nível de competitividade do Espírito Santo no comércio internacional e doméstico.



MANTENEDORAS


Espírito Santo em Ação © Copyright 2009, Asevila

Av. Luciano das Neves, 209, Edf. Dom Estevam, sala 506, Centro, Vila Velha - ES
CEP: 29.100-201 / CNPJ: 09.238.172/0001-72